fevereiro 12, 2020 - Automóvel

Brasil já conta com 5 modelos de carros elétricos

No último ano, o Brasil ganhou 5 modelos de carros de passeio 100% elétricos e há outros modelos pelo caminho. Já são cerca de 11 mil veículos elétricos trafegando pelo país onde há cerca de 170 pontos de recarga, segundo a ABVE (Associação Brasileira de Veiculo Eletrico). É um número ínfimo diante dos mais de 40 mil postos de gasolina do país.  O mercado de carros elétricos no Brasil está se iniciando neste momento, mas as marcas estão de olho no crescimento desse segmento por aqui e assim preparam lançamentos para os próximos meses. As vendas de carros elétricos, incluindo híbridos, foi de 893 unidades em 2018, sendo que apenas uma pequena parcela realmente foi de automóveis movidos apenas por energia. No Brasil, esse segmento começou a surgir com iniciativas empresariais e governamentais, incluindo empresas públicas e privadas. Com isso, concessionárias de energia elétrica e de rodovias, os Correios, transportadoras de encomendas, polícias militares, guardas municipais, Itaipu Binacional, prefeituras, entre outras entidades, começaram a receber carros elétricos para seus serviços, sendo depois expandido para taxistas e serviços de compartilhamento público-privado. A promessa é de mais lançamentos a partir deste ano,  em que a previsão é ultrapassar as 20 mil unidades. Em outros países, como EUA e Alemanha, incentivos para a compra de elétricos chegam a US$ 7,5 mil (cerca de R$ 31 mil). No Brasil, os benefícios são isenção de Imposto de Importação, redução de Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) e, em alguns municípios, como São Paulo, isenção de IPVA e de rodízio. Perfeito para quem utiliza o veículo em grandes centros e precisa se deslocar algumas vezes durante o dia já que os carros elétricos gostam de trânsito, pois renovam sua carga a cada pisada no freio.  Alguns modelos levam até 8 horas para recarga completa da bateria e o ideal é que isso seja feito durante o período noturno, pois uma carga parcial pode levar de duas a quatro horas.  A previsão é que em pouco tempo os postos de recarga se espalhem pelo país, o kit de recarga de bateria caseiro, já está incluso no valor do carro bem como suas instalações. As próprias montadoras estão investindo na instalação desses postos conforme a procura por automóveis elétricos aumentam.